quinta-feira, 30 de abril de 2020

Itajuípe: Mãe tem dois filhos assassinados e outro baleado em apenas 35 dias


Uma mãe moradora da pequena cidade de Itajuipe, no sul da Bahia, teve a perda de dois filhos em 35 dias, e ainda ter um terceiro baleado e internado em estado grave. É o drama que vive uma senhora, popularmente conhecida como Patrícia Gaga.
Nesta madrugada de quinta-feira (30), por volta das 02h, Igor Boaventura, um dos filhos de Patrícia, foi vítima de execução ocorrida na Rua Durval Rodrigues de Oliveira, no bairro Santo Antônio, em Itajuípe.
Na ação dos criminosos, o irmão de Igor, de prenome Pablo, também foi baleado e está internado no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna. Ele passou por cirurgia e o estado de saúde é delicado.
Os atiradores arrombaram o cadeado, invadiram a residência onde Patrícia estava com os filhos, Igor e Pablo, e dispararam várias vezes contra os jovens. E o caso remete a outra ação do crime organizado, também nesta família.
No último dia 25 de março, Diego Boaventura, também filho de Patrícia, foi assassinado a tiros, também dentro de casa. (Relembre aqui). Os três irmãos integravam a facção criminosa denominada Raio A.
Eles exibem o típico sinal da facção, também chamada de Tudo 2. Em outra fotografia, Igor, Pablo e Diego estão em companhia de outros indivíduos, todos exibindo o mesmo sinal.
Uma equipe do Verdinho Itabuna conversou com a família, ainda na ocasião do assassinato de Diego, o primeiro a morrer. Na oportunidade, os parentes negaram a informação de que os jovens integrem facção criminosa. Contudo, os indícios e relatos do contrário são contundentes.
Cerca de 15 dias após a morte de Diego, Patrícia entrou em contato com a redação do Verdinho Itabuna, relatando estar sendo ameaçada de morte por bandidos, inclusive através de cartas. As juras de assassinato estendiam-se principalmente aos filhos dela.
Alguns dias depois de feitas as ameaças, os criminosos, efetivamente, cumpriram. Assassinaram um segundo filho de Patrícia e o caçula está entre a vida e a morte. A esperança dela, agora, é a sobrevivência deste filho mais novo, Pablo.
O corpo de Igor foi removido por uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna. A Polícia Civil investiga o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário