domingo, 26 de abril de 2020

Homem é preso em Itapetinga após estuprar e torturar ex-esposa


Um comerciante está preso no Complexo Policial de Itapetinga depois de ter sido acusado de torturar e estuprar a ex-esposa. O casal morou junto durante um ano e há cerca de dois meses está em processo de divórcio.
O ex-companheiro não aceita o fim do relacionamento. Na noite da última segunda-feira (21), ele marcou um encontro com a vítima em uma lanchonete localizada no bairro Camacã, supostamente para entregar um documento.
A vítima relatou que o agressor portava arma de fogo, e que teria forçado-a a entrar no automóvel dele, onde em seguida, foi levada a uma estrada vicinal, às margens da BA-263. Lá, ele estuprou e torturou a ex-mulher. Posteriormente, a Polícia Militar foi acionada e o homem acabou preso em flagrante.
A mulher, que apresentava ferimentos na cabeça e pescoço, passou por exames de corpo delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT), em Itapetinga. O aparelho celular da vítima estava com marca de tiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário