sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Flamengo entra com ação contra a Globo por direitos do Brasileirão


A Rede Globo informou nesta quinta-feira, 30, que o Flamengo ajuizou uma ação na 36ª. Vara Cível do Rio de Janeiro contra a emissora, no qual o clube carioca questiona pontos do contrato de transmissão do Campeonato Brasileiro. A empresa emitiu uma nota sobre o assunto, na qual diz confiar em uma “solução consensual”. A ação foi noticiada nesta manhã pelo portal Uol e dá conta de que, segundo o Flamengo, direitos contratuais estariam sendo negados pela emissora.
O atual campeão do torneio questiona judicialmente valores de cessão dos direitos de transmissão, pay-per-view e outras receitas. Ainda segundo o site, a causa foi fixada no valor ilustrativo de 100.000 reais. Na petição, o Flamengo reclama também do que considera um número baixo de transmissões em TV aberta (a maioria de seus jogos passou apenas no canal fechado Premiere) e acusa a Globo de manobrar para esvaziar os eventos transmitidos por seu concorrente, o Esporte Interativo, que detém os direitos de algumas equipes da Série A.
A Globo diz que não se manifesta sobre questões sub judice e alega que “há mais de 30 anos, a relação da empresa com os clubes está pautada numa agenda comum que visa a valorização e o desenvolvimento do futebol brasileiro.” Procurado pela reportagem, o Flamengo não se pronunciou até o momento. Enquanto brigam na Justiça pelos direitos do Brasileirão, Flamengo e Globo também seguem em litígio em relação ao Campeonato Carioca.
O clube considera que, por estar valorizado com as conquistas do Brasileirão e da Libertadores, deveria receber quantia bem maior que Vasco, Botafogo e Fluminense. Sem acordo, nenhum jogo do Flamengo no Estadual está sendo transmitido e, neste cenário, nem mesmo uma eventual final envolvendo o clube carioca passaria na TV.

Nenhum comentário:

Postar um comentário