sexta-feira, 22 de novembro de 2019

PRESIDENTE TENTA USAR ESTRATÉGIA DE FAKE NEWS PARA CRIAR PARTIDO



Com o prazo de apenas quatro meses para recolher 500 mil assinaturas em nove estados, o presidente Bolsonaro faz pressão no TSE para viabilizar assinaturas eletrônicas, o que facilitaria o uso dos robôs e rede de fake news que o elegeu presidente. O prazo curto se deve a aproximação das eleições municipais e o partido teria que estar apto para lançar candidaturas de vereadores e prefeitos.
O TSE exige que as assinaturas sejam manuais, e em média os partidos novos são criados em três anos, fato ignorado pelo presidente que já usa sua rede de fake news para culpar o TSE acusando de boicote e outras mentiras.
Já o TSE sinalizou que é preciso uma mudança urgente nas regras para atender o desejo do presidente.
O partido aliança já nasce com o tom ameaçador divulgando o número 38 em alusão ao armamento e tem o apoio de líderes evangélicos como Edir Macedo, dono da Record que recebe milhões em verbas publicitárias do governo federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário