quinta-feira, 28 de novembro de 2019

O CRIME NÃO COMPENSA: IDOSO ACUSA ADVOGADA DE SACAR ESCONDIDO R$ 35 MIL DE CAUSA TRABALHISTA

Um caso revoltante veio à tona na tarde de quarta-feira (27) em Itabuna. Um idoso de 69 anos procurou o programa O Crime Não Compensa para fazer uma grave denúncia, envolvendo uma advogada da cidade.
Durante a entrevista ao apresentador Wadson Santos, o aposentado Gilcélio Dias Souza chegou a se emocionar. Segundo ele, tudo começou em 2009, quando procurou a advogada Sandra Izaíra Barreto Costa Oliveira, que entrou com uma ação trabalhista contra a prefeitura de Itabuna, onde o cliente havia trabalhado por 35 anos.
Seu Gilcélio mudou-se para São Paulo e ficou acompanhando o processo, até sair a sentença, 10 longos anos depois. A causa havia sido ganha, para sua felicidade.
O aposentado então, voltou a Itabuna, acompanhado da filha, e procurou a 1ª Vara do Ministério do Trabalho, no bairro São Caetano. Lá, no MPT, Gilcélio recebeu uma notícia que o deixou muito abalado:  todo dinheiro da causa, num valor total de R$35.764,81, já havia sido sacado pela advogada desde o último dia 30 de maio desse ano.
“Eu estive no escritório dela [Dra. Sandra] com minha filha que veio para me ajudar e ela me pediu para dar um tempo até sexta-feira da semana retrasada. Depois encontrei ela e ela só me enganando. A gente vem para rua e não vai em casa, não. A gente faz um lanche”, desabafou, emocionado, o idoso, que está na cidade, graças à ajuda de um grupo de pessoas de uma igreja.
Gilcélio já denunciou o caso à OAB e também prestou queixa na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Itabuna.   
Advogada pode ser suspensa
O advogado Edmilton Carneiro, presidente da OAB - Subseção Itabuna - ligou, ao vivo, para o programa e conversou sobre o caso com o apresentador Wadson Santos. Ele informou que todas as providências já foram tomadas para que o aposentado seja ressarcido dos danos que sofreu.
Dr. Edmilton Carneiro
“Já comuniquei o fato ao presidente da Seccional Bahia e, juntos, entramos em contato com o presidente do Conselho de Ética e Disciplina da OAB”, disse Dr. Edmilton.
De acordo, ainda, com o presidente da OAB Itabuna, o processo será encaminhado para o Tribunal de Ética e Disciplina que vai recepcionar toda a documentação e dar um prazo para a advogada Sandra Izaíra Barreto se manifestar.
“Se ela levantou o dinheiro e não prestou contas, ela será suspensa dos quadros da OAB e se tiver reincidência, será expulsa. A OAB tem uma preocupação muito grande com a qualidade do profissional do seu quadro. Seu Gilcélio está sendo assistindo e vai receber o dinheiro dele com juros e correção monetária”, garantiu Dr. Edmilton.
A advogada denunciada, segundo o presidente da OAB, pode sofrer, além suspensão ou expulsão, processo criminal, que pode culminar em prisão.

Mais vítimas
E parece que seu Gilcélio não foi a única vítima, não. Uma senhora, que não quis se identificar, ligou para o programa e disse ter sido enganada também pela mesma advogada.
“Botei uma questão na Justiça e quando marcou para eu tirar o dinheiro, ela tinha lesado eu e minha irmã. Isso foi em 2012”, relatou a mulher.

Advogada liga para idoso após denúncia
Após deixar o estúdio, seu Gilcélio entrou em contato com a rádio e, no ar, contou que havia acabado de receber uma ligação da advogada Sandra Izaíra, marcando um encontro na sexta-feira (29), quando ela pagaria o dinheiro da ação.
Agora, só nos resta esperar para saber o desfecho dessa história.


Nenhum comentário:

Postar um comentário