terça-feira, 19 de novembro de 2019

Mulher mata filho de 6 anos que não quis limpar a casa de madrugada

A mulher foi presa em flagrante por homicídio (Foto: Reprodução/Gabriel Garcia/TV Anhanguera)

Yahoo Notícias  - Uma mulher de 29 suspeita de enforcar o filho de 6 anos até a morte confessou o crime em ligação para a Polícia Civil de Goiás. Ela diz que matou a criança porque ele não quis acordar para limpar a casa às 4h30 da madrugada. Ela foi detida na manhã de quarta-feira (14) em Santa Helena de Goiás, na região sudoeste do estado.
A polícia relata que a mulher agiu em um “estado de fúria”. Ao G1, o delegado Dannilo Proto conta que ela não demonstrou qualquer sinal de arrependimento enquanto confessava o homicídio.
"Ela acordou o filho às 4h30 da manhã para limpar a casa, e ele não quis. Ela então deu duas cintadas nele, que correu para o quintal. Em seguida, ela o executou", contou o delegado.
A criança apresentava marcas de agressão e esganadura que condizem com a confissão da mulher. Após o crime, ela despiu o corpo da criança e ateou fogo às roupas. Então, sentou-se na calçada e amementou um outro filho recém-nascido enquanto olhava as chamas. O bebê foi entregue ao Conselho Tutelar e encaminhado a um abrigo até que os investigadores encontrem o pai ou algum parente próximo.
"Ela confessou a execução do próprio filho durante a madrugada e na parte da manhã ligou pra nós avisando. Ela é uma pessoa extremamente fria, pelo interrogatório dela, confessou toda prática criminosa.”
A mãe foi presa em flagrante por homicídio e conduzida ao presídio de Santa Helena de Goiás. Ao checarem os antecedentes criminais dela, os investigadores constataram que ela está ligada à morte de outro filho:
"Puxando os antecedentes criminais dela, ela teve um outro filho que, segundo ela, na época, ela dormiu em cima do filho que também era criança, e o filho veio a óbito nessa oportunidade", revela Proto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário