quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Justiça derruba liminar e Garotinho e Rosinha são presos de novo


Por Marcus Sadok - BandNews FM - A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu na manhã desta quarta-feira (30) os ex-governadores Anthony Garotinho e Rosinha Matheus em cumprimento a um mandado de prisão em um desdobramento da Lava Jato.
O casal foi detido em sua casa na zona sul da capital fluminense – ambos estavam em liberdade por uma decisão liminar.
No entanto, na terça (29), o TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) revogou a liminar e determinou a prisão dos políticos. Esta é a quinta vez que Garotinho é preso e a terceira de Rosinha.
Os políticos são suspeitos de participação em um esquema de superfaturamento em contratos celebrados entre a Prefeitura de Campos e a construtora Odebrecht. O prejuízo aos cofres públicos pode chegar a R$ 60 milhões, segundo delações prestadas à força-tarefa da Lava Jato. Garotinho e Rosinha teriam recebido R$ 25 milhões em propinas.
A defesa do casal disse que a prisão é ilegal e afirmou que a própria construtora entrou na Justiça para cobrar possível prejuízo. “É estranho, portanto, que o Ministério Público fale em superfaturamento.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário