quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Menina de três anos violentada e decapitada na Índia

(Arquivo) Marcha contra estupros na Índia, na cidade de Allahabad, em 13 de abril de 2018

Três homens foram detidos na Índia após o estupro e decapitação de uma menina de três anos, anunciou a polícia do país.
Este é o caso mais recente de violência sexual contra menores de idade nos últimos meses na Índia.
Na terça-feira, a polícia encontrou o corpo sem cabeça da menina perto de uma fábrica da cidade de Jamshedpur, no estado de Jharkhand (leste), um dos mais pobres da Índia.
"Foi violentada e decapitada. O corpo nu foi jogado nos arbustos. Estamos procurando a cabeça", afirmou um porta-voz da polícia.
Um homem, ao que tudo indica amante da mãe da criança, está entre os detidos. A polícia acredita que ele ordenou aos outros dois que sequestrassem a menina.
A Índia tem um grave balanço no que diz respeito à violência sexual contra menores de idade.
Em 2016 foram registrados quase 20.000 estupros, de acordo com as últimas estatísticas disponíveis.
De acordo com a ONU, na Índia um em cada três estupros envolve um menor de idade e quase metade dos agressores conheciam as vítimas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário