segunda-feira, 8 de julho de 2019

DJ brasileiro é acusado de apologia a violência contra mulher e se retrata: 'Ignorância'


Por Metro Jornal - O DJ brasileiro Vintage Culture foi duramente criticado ao publicar um vídeo de um amigo simulando sexo com um manequim. As imagens mostram ainda o rapaz dando socos no boneco sem braços, pernas e cabeça.
Revoltados, seguidores do artista criticaram a postagem, que entenderam ser uma apologia à violência contra a mulher. O vídeo foi apagado pouco tempo depois.
Nesta segunda-feira (8), Vintage Culture pediu desculpas "pela ignorância" e assumiu que o vídeo era uma "brincadeira de mau gosto", "com interpretações e representações muito negativas".
"Ontem postei uma cena (um amigo agarrando descontroladamente um manequim sem perna, sem braço e sem cabeça) que para minha ignorância poderia ser engraçado mas que depois aprendi que é uma brincadeira de mal gosto, com interpretações e representações muito negativas", escreveu.
"A primeira coisa que eu peço é desculpas, desculpas pela ignorância, desculpas pela bad vibe… E obrigado pelo aprendizado. […] quero que mais pessoas além de mim aprendam o significado de atos como esse. Aprendam a enxergar o outro lado e fazer melhores julgamentos sobre certo e errado, engraçado e mal gosto."
"Peço desculpas mais uma vez com a esperança de que esse reconhecimento e mensagem tragam conforto aos que foram prejudicados e a certeza de que essa postura vai trazer ainda mais luz à essa questão de muita importância para o bem", finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário