quinta-feira, 6 de junho de 2019

Raiva dos Herbívoros


O QUE É?
É uma doença infecciosa, altamente contagiosa e fatal, causada por um vírus (Rabdovírus), e que ataca o sistema nervoso. Todos os animais mamíferos podem contrair a raiva, inclusive o Homem.
Nos animais herbívoros as principais espécies acometidas são os bovinos, bubalinos, equídeos, caprinos, ovinos e suínos. Nos animais domésticos os cães e gatos. E nos animais silvestres as raposas, saguis, lobos, roedores, macacos, gambás e inclusive os morcegos.
SINTOMAS NOS ANIMAIS
Os animais acometidos podem apresentar: salivação e engasgo, andar cambaleante e queda, paralisia dos membros posteriores, movimento de “pedalagem” dos membros anteriores, cabeça voltada para trás, prostração e morte.

FORMA DE TRANSMISSÃO NOS HERBÍVOROS
Nos bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos, equídeos e suínos a transmissão ocorre através da mordedura/espoliação por morcego hematófago (que se alimenta de sangue) da espécie Desmodus rotundus acometidos com a raiva, e ocasionalmente por agressões de cães e animais silvestres também acometidos pela doença (raposas).

TRANSMISSÃO NO HOMEM
O homem pode adquirir a doença através do contato com a saliva e material nervoso (cérebro) dos animais doentes e pela mordedura acidental do morcego.
Evite medicar animais suspeitos de raiva. Caso seja agredido por animais suspeitos de estarem acometidos pela raiva, lave o local com água e sabão e procure imediatamente uma unidade de saúde do seu município.

PREVENÇÃO E CONTROLE DA RAIVA DOS HERBÍVOROS
A prevenção se dá com a vacinação contra raiva de todos os animais susceptíveis a doença, a partir de 3 meses de idade. Sendo que todos os animais que forem vacinados pela primeira vez deverão ser revacinados com 30 dias e anualmente. A vacina não tem contra indicações, podendo ser aplicado até nos animais prenhes.

CONTROLE DO MORCEGO HEMATÓFAGO
Pode ser feito com o uso de pasta vampiricida, aplicada pelo produtor no animal ao redor da ferida ocasionada pela espoliação do morcego hematófago durante 3 dias, com orientação de um Médico Veterinário.
A captura e controle do morcego hematófago é realizado somente pelo Serviço Veterinário Oficial do estado (IDIARN), nos abrigos naturais e artificias.

ANIMAIS HERBÍVOROS COM SUSPEITA DE RAIVA, O QUE FAZER?
Caso o produtor possua animal que apresente sintomatologia nervosa, ele deve entrar em contato com o IDIARN o mais rápido possível. O IDIARN, através da equipe técnica, irá até a propriedade para avaliar e acompanhar o quadro clínico e/ou realizar a coleta de material para diagnóstico da doença quando o animal vir a óbito.
IN nº 05, de 1 de março de 2002 – Aprova as Normas Técnicas para Controle de raiva dos herbívoros domésticos.

Responsável pelo PNCRH/RN:
Maria de Lourdes Silva – Fiscal Estadual Agropecuário/Méd. Veterinária
pncrh.idiarn@yahoo.com.br
IDIARN0

Nenhum comentário:

Postar um comentário