sábado, 8 de junho de 2019

Policiais Militares salvam tartarugas na praia de Areia Preta em Natal


Policiais militares encontraram e salvaram vários filhotes de tartarugas que estavam completamente desorientadas por conta das luzes artificiais. Algumas delas morreram atropeladas. O caso foi registrado na noite desta quarta-feira (05) na praia de Areia Preta, zona Leste de Natal.
Ao nascerem, logo após a eclosão do ovo, os filhotes de tartarugas marinhas rumam imediatamente para a água. Em alto-mar, alimentam-se de algas (principalmente sargaços) e matéria orgânica flutuante. Durante os próximos anos de sua vida, estes animais migram pelo oceano.
Segundo o Médico Veterinário Radan Elvis, as tartarugas se guiam pela luz da lua, que nesse caso, elas se confundiram com a iluminação dos postes e veículos.
O Projeto Cetáceos da Costa Branca – PCCB/UERN realiza desde 1998 atividades de monitoramento de praias na Bacia Potiguar (RN/CE). Por meio do monitoramento, é possível realizar o registro de encalhes de tartarugas, aves e mamíferos marinhos e o registro de atividades reprodutivas de tartarugas marinhas. A partir do registro dos encalhes é possível então realizar o resgate dos animais vivos e encaminhar para reabilitação.
Caso encontre algum animal marinho encalhado na costa potiguar, entre em contato urgente com o PCCB (telefone (84) 99943-0058 ou e-mail: pccbuerncontato@gmail.com ) ou ligue 190 e solicite apoio da Companhia Independente de Proteção Ambiental – CIPAM da Polícia Militar do RN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário