quarta-feira, 13 de março de 2019

Núcleo Regional de Saúde realiza capacitação sobre tuberculose em Ilhéus

Para assegurar o diagnóstico precoce e o tratamento da tuberculose, a Secretaria de Saúde (Sesau), através do seu Núcleo Regional iniciou na manhã desta terça-feira (12), capacitação sobre manejo clínico da doença, no auditório do Centro Administrativo. A capacitação, que prossegue nesta quarta-feira (13), das 8 às 12 horas, é direcionada a médicos, enfermeiros e farmacêuticos que atuam na rede de saúde nas áreas técnicas do programa de controle da doença de oito municípios que compõem a base da Regional Sul.
Na abertura da palestra, as monitoras Jane Francisca Benjamim e Eliana Neres Mello destacaram que a doença tem cura e o tratamento deve ser realizado adequadamente. “Para isso, é necessário seguir todas as recomendações médicas e não abandonar o tratamento, já que ele tem duração de, no mínimo, seis meses. Durante a capacitação, será reforçada a busca pelo diagnóstico precoce, que é essencial para o tratamento”.
Em 2018, o Ministério da Saúde disponibilizou um novo manual de controle e acompanhamento dos pacientes acometidos de tuberculose. Segundo os organizadores, a iniciativa é importante para a melhoria das atividades de prevenção, vigilância, diagnóstico e tratamento nos casos da doença, visando atualizar e capacitar os profissionais na execução das ações de promoção, prevenção e controle da tuberculose a partir do diagnóstico de agravo de cada paciente.
“Esta é a proposta dos encontros: fortalecer as ações e melhorar os indicadores epidemiológicos da região. Na prática, sempre que alguém experimenta uma tosse persistente por mais de três semanas, com ou sem catarro, deve procurar Unidade Básica de Saúde para avaliação. Ao abandonar o tratamento, o paciente se expõe ao risco de contrair uma forma mais grave da doença”, alertou Eliane Neres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário