segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Policiais Militares realizam primeiros socorros e ajudam a salvar a vida de um bebê


Policiais Militares do 20º Batalhão Policial Militar foram acionados na noite de ontem, 6, para atender uma ocorrência incomum em suas rotinas diárias de trabalho.
Enquanto realizava o patrulhamento pelas ruas do Bairro Jardim Iracema, em Fortaleza/CE, a composição da viatura 20082 foi surpreendida por uma senhora que carregava em seu colo seu neto, um bebê de 5 meses de idade.A criança estava desmaiada em razão de um engasgamento que sofrera quando sua mãe lhe hidratava. Os militares atenderam prontamente ao pedido de ajuda da avó, que desesperadamente via o seu neto desfalecido.
De imediato, os militares puseram a senhora e a criança na viatura e seguiram rapidamente em direção a Unidade de Pronto Atendimento mais próxima do local, a UPA do Vila Velha.
Percebendo a criticidade do estado de saúde em que o bebê de 5 meses se encontrava e o risco de ele não chegar a tempo para receber o atendimento médico, um dos soldados da composição, Soldado Aquino, iniciou os procedimentos de primeiros socorros, consistente em massagens de compressão na região torácica da bebê.
Antes de chegar à UPA, e por ajuda dos bem-sucedidos procedimentos realizados pelo policial, a pequena criança conseguiu restabelecer a respiração, para alívio próprio, da avó e dos demais componentes da viatura policial.
Ao chegar à unidade hospitalar, a criança foi atendida pela equipe médica que realizou os demais procedimentos e exames clínicos. Um dos médicos afirmou que a agilidade no socorro e, especialmente, os procedimentos de primeiros socorros realizados pelo militar foram fundamentais para evitar a morte da criança.
Em depoimento à ASCOM-PMCE, disse o Soldado Aquino: “é desesperador ver uma criança desmaiada e roxa, mas conseguimos manter a calma e pôr em prática os conhecimentos adquiridos no nosso curso de formação de soldado da PMCE”. “Graças Deus deu tudo certo”, concluiu o PM.
Assessoria de Comunicação Social da PMCE

Nenhum comentário:

Postar um comentário