quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Bolsonaro determina inclusão de militares na reforma da Previdência, diz secretário


O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, disse na noite de ontem (30) que nenhum segmento da sociedade, inclusive os militares, será poupado na reforma das regras de aposentadoria. Segundo a Folha de S. Paulo, ele espera que a proposta seja aprovada pela Câmara e pelo Senado até meados de julho.
“Ninguém vai ficar de fora. O governo vai apresentar um projeto que vai levar em consideração todos os segmentos da sociedade brasileira”, disse Marinho. Marinho, no entanto, não declarou quando deve ser enviado o projeto que trata da reforma da Previdência para os militares. Segundo ele, Bolsonaro é quem decidirá o “timing”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário