quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

SÓCIO DA GRÁFICA COLLOR EM PORTO SEGURO É EXECUTADO NA PORTA DE CASA



Cerca de trinta tiros mataram o empresário Eduardo de Jesus Nascimento na noite de Natal, quando ele chegava em casa, no bairro Cambolo, em Porto Seguro, no sul da Bahia.
Eduardo, que tinha 35 anos, era sócio da gráfica Collor e uma pessoa bastante conhecida na cidade. Até o momento, a polícia não tem informações concretas sobre a motivação do crime.
Como os assassinos nada levaram da vítima, está praticamente descartada a hipótese de latrocínio, que é matar para roubar. Sobre as circunstâncias do crime, um amigo de Eduardo configura como a melhor pista para esclarecer o caso.
Esse amigo, segundo a polícia, presenciou o crime. Pouco antes, ele tinha acompanhado o empresário na compra de algum ingrediente para a ceia de Natal, no bairro Baianão.
Além do amigo do empresário, câmeras de segurança podem ajudar a polícia nas informações. O certo é que a comunidade de Porto Seguro está abalada com o crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário