quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

POLÍCIA CIVIL REALIZA A OPERAÇÃO TENTÁCULOS, RESULTANDO EM 06 ACUSADOS PRESOS EM IMPERATRIZ


Ações de enfrentamento contra o tráfico de entorpecentes em Imperatriz/MA, por conta da Polícia Civil foi deflagrado na manhã desta terça-feira (18), a “Operação Tentáculos”, onde resultou na prisão de 06 acusados e na apreensão de cocaína. As ações foram resultado de cumprimento de 08 Mandados de Prisões e 09 Mandados de Buscas e Apreensões. A operação envolveu a Delegacia de Repressão ao Narcotráfico de Imperatriz (Senarc), Delegacia Regional de Imperatriz, e uma equipe da delegacia de Augustinópolis/TO.
A Operação Tentáculos coordenada pelo Departamento da Senarc de Imperatriz resultou de investigações e monitoramentos de cerca de 06 meses, culminou nas 08 prisões. Foram presos os acusados: Hélio Costa de Oliveira; Caetano Amâncio Pereira, José Francisco Vieira da Silva, Mariele Alves de Sousa, João Marcelo Borges Silva Junior e Diego Vilarino. Durante a ação da polícia contra os acusados, se evadiram Wanderson de França Vieira, Alef da Silva Milhomens, os quais já estão considerados foragidos da Justiça. Além destas prisões foram apreendidos em uma residência em Imperatriz, cerca de 70g de cocaína.
A ação da polícia foi no sentido do cumprimento dos 08 mandados de Prisões Preventivas e 09 Mandados de Busca e Apreensões nas cidades de Imperatriz/MA e Augustinópolis/TO. A operação Tentáculos é referente a crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico na cidade de Imperatriz/MA. A operação surgiu de uma outra ação da Polícia Civil, ocorrido em Imperatriz, no mês de outubro, onde fora apreendido cerca de 216kg de entorpecentes. 

O Delegado titular da Senarc de Imperatriz, participe desta operação Tentáculos, o Delegado Fabian Victor Kleine, repassou ainda que “Fora preso ainda na cidade de Augustinópolis, o pai de um dos acusados, o do Diego Vilarino. Ele foi preso com duas armas de fogo. A operação Tentáculo fora coordenada pela Delegacia de Repressão ao Narcotráfico de Imperatriz (Senarc), com o apoio operacional da Delegacia Regional de Imperatriz; Senarc de Capital; Delegacia de Homicídios de Imperatriz (SHPP); Delegacia Regional de Açailândia; Delegacia de Porto Franco; Delegacia de Carolina e uma equipe da Delegacia de Augustinópolis”, revelou o delegado.
SSP-Ascom Texto: Mauro Wagner

Nenhum comentário:

Postar um comentário