terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Mídia esconde recessão, desemprego e reajuste do salário mínimo abaixo da inflação

Apesar das comemorações do governo golpista de Michel Temer (PMDB) de que a inflação de 2017 foi a menor desde 1998, os números do IBGE evidenciam, de fato, a recessão da economia brasileira, o que a mídia golpista esconde. Também não merecem destaque nas redes de comunicação, que estão nas mãos de meia dúzia de famílias ricas, o aumento do desemprego e o reajuste do salário mínimo abaixo da inflação, descumprindo a legislação assinada pela presidenta deposta Dilma Rousseff (PT).
 Além disso, o índice rebaixado será parâmetro para o reajuste de aposentados e pensionistas, que recebem acima de um salário mínimo, e poderá ser usado por governos estaduais na definição de projetos dos salários mínimos regionais, como já aconteceu no Rio Grande do Sul.
 Os trabalhadores terão que aumentar a pressão sobre o governo e os deputados, para que os trabalhadores gaúchos que recebem os menores salários não sejam novamente prejudicados.
 A jogada ensaiada da mídia financiada pelos golpistas é mostrar que o país está bem, porque a inflação ficou abaixo da meta, mas isso é questionável. O que estamos vivendo é uma brutal recessão, com mais de 12 milhões de desempregados, empresas fechando e informalidade crescendo. (Contraf)

Nenhum comentário:

Postar um comentário